​​ Rio Claro recupera consultório odontológico móvel, que começa a atender na terça-feira

 

A partir de maio o trailer irá percorrer bairros e entidades do município para fazer tratamentos e exames preventivos. Serviço terá início dia 2 no Jardim das Flores. Comunidade pode conseguir atendimento de dentistas gratuitamente nas unidades de saúde.

Depois de dois anos parado, o trailer do consultório odontológico móvel de Rio Claro retoma o atendimento à comunidade na terça-feira (2), após ser inteiramente recuperado e ter os equipamentos que estavam com problemas consertados. O trabalho feito pela Fundação Municipal de Saúde oferecerá ​à população um serviço a mais no atendimento à saúde bucal em Rio Claro. “Além de ampliar o atendimento odontológico, a reativação do consultório móvel é um ato de respeito ao contribuinte, pois reverte o desperdício que era um importante equipamento municipal encostado e sem condições de uso”, comenta o prefeito João Teixeira Junior, o Juninho da Padaria.

Totalmente equipado como um consultório odontológico convencional, a unidade conta com amplo espaço e estrutura para o atendimento de consultas pelos dentistas da rede municipal de saúde. “Com essa iniciativa, a população tem mais uma alternativa de acesso ao atendimento odontológico gratuito oferecido pelo governo municipal”, comenta o secretário municipal de Saúde, Djair Francisco.

A partir da terça-feira o consultório odontológico móvel atenderá no Serviço de Conveniência de Fortalecimento de Vínculos na Rua 9 com a Avenida 51, número 737, no bairro Jardim das Flores, onde ficará por duas semanas. O atendimento, feito por dois dentistas, será destinado a crianças e jovens de 6 a 15 anos.

O gerente geral de Saúde Bucal da Fundação de Saúde, Paulo Freitas, informa que o trailer deverá percorrer bairros e entidades. “As consultas são pré-agendadas e faremos inclusive obturações e tratamentos preventivos”, comenta.

O atendimento odontológico pelo SUS (Sistema Único de Saúde) em Rio Claro é feito nas Unidades Básicas de Saúde (UBS) e nas Unidades de Saúde da Família (USF). “A reativação dessa unidade móvel dará maior acesso às pessoas que residem longe das unidades e também em campanhas de atendimento e conscientização”, conclui Freitas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *