Construção de creche segue em ritmo acelerado no bairro Terra Nova

 

Paredes do prédio já estão quase na altura de laje com apenas um mês de trabalho. Obra foi retomada no final de abril depois de quase dois anos de paralisação.

As obras para construção da creche no bairro Terra Nova continuam em ritmo acelerado. Os serviços foram retomados no final de abril depois de quase dois anos de paralisação. Em abril havia apenas o alicerce do prédio, agora as paredes foram erguidas e já estão quase na altura necessária para instalação da laje.

Nesta sexta-feira (2), o prefeito João Teixeira Junior, o Juninho da Padaria, visitou o canteiro de obras acompanhado do deputado estadual, Aldo Demarchi, e do secretário municipal da Educação, Adriano Moreira. “Queremos acelerar a construção da creche que vai atender mais de 100 crianças. Essa escola já deveria estar funcionando e isso não aconteceu porque a obra ficou quase dois anos parada”, comenta Juninho.

A obra é fruto de convênio entre a prefeitura de Rio Claro e o governo estadual, por meio do programa Creche Escola. A construção da escola começou em março de 2015 e deveria ter sido concluída em abril do ano passado, mas isso não aconteceu. O prazo venceu e o município quase perdeu o convênio que foi renovado pela atual administração municipal. Com isso, a construção foi retomada com previsão de término em 12 meses. “É uma questão de respeito aos pais e principalmente às crianças que moram nos bairros da região”, frisa.

“Uma das primeiras ações do mandato de Juninho da Padaria foi trabalhar para que Rio Claro não perdesse a creche do Terra Nova”, lembra o deputado Aldo Demarchi. O assunto foi discutido por ele e Juninho no dia 12 de janeiro em reunião com o secretário estadual de Educação, José Renato Nalini. Em março foi anunciada a renovação do convênio e a retomada das obras interrompidas na administração anterior.

“Esse trabalho do atual governo é fundamental para a população de Rio Claro, especialmente nos casos das famílias que aguardam de longa data uma vaga para seus filhos. Acredito que esse é o primeiro passo para recuperarmos o tempo perdido”, comentou o deputado depois de visitar as obras do Terra Nova.

O secretário da Educação, Adriano Moreira, lembra de todo o esforço realizado pela prefeitura para recuperar o convênio que tinha sido cancelado. “Quase perdemos a creche, mas felizmente conseguimos recuperar o contrato”, afirma Moreira. O governo municipal também rescindiu o contrato com a construtora que iniciou a obra. A segunda colocada na licitação foi chamada e assumiu o serviço. “Nossa meta é colocar a escola em funcionamento em 2018, já que essa região tem grande demanda por vagas em creche”, conclui.

A unidade escolar terá capacidade para atender 120 crianças de zero a três anos. O investimento é de R$ 1,7 milhão, sendo R$ 427,8 mil de contrapartida do município.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *