Moto da Guarda Civil volta a ser usada após dois anos parada

 

Moto da Guarda Civil volta a ser

usada após dois anos parada

O número de motos da Guarda Civil Municipal circulando nas ruas de Rio Claro aumentou. Uma moto do Grupo de Apoio Motorizado (GAM) que não estava em operação há dois anos foi consertada pelos guardas civis municipais Prochnow, Nezian e Eugênio, e colocada novamente à disposição da corporação.

A colaboração dos três guardas civis, que têm conhecimento em manutenção de motocicletas, gerou economia para os cofres públicos municipais, já que a prefeitura economizou com a mão de obra. O conserto da moto e a manutenção das outras três, incluindo troca de pneus, freios, embreagens, transmissão, representaram investimento de R$ 6,5 mil. Ao todo quatro motos fazem o patrulhamento pelo município, que volta a ter duas equipes de motociclistas.

O vice-prefeito e secretário de Segurança, Marco Antonio Bellagamba, comenta que a iniciativa é mais um importante reforço para a segurança da cidade. “A cada dia avançamos em nosso desafio de dar mais segurança para a população”, comenta.​

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *